Olá! Você acaba de chegar em Portugal para morar (no meu caso, para estudar e morar) e se pergunta: e agora? O que fazer? Pois, meus caros, aqui vai uma lista de documentos que você deve fazer para se regularizar aqui (se já tiver o visto e vai fazer a autorização de residência ou se vai fazer reagrupamento familiar), quais documentos são necessários para cada um, o valor que se paga e o tempo de espera para consegui-los. Se você vem com dupla cidadania/nacionalidade da União Europeia, temos um post que poderá te ajudar também, veja aqui: Brasileiros com dupla cidadania em Portugal!

Se você quer saber como fazer a renovação da Autorização de Residência e reagrupamento familiar, já temos um post sobre isso! Veja aqui!

Esse post é uma forma de ajudar e guiar, mas é importante se dizer que em Portugal as exigências podem mudar um pouco de lugar para lugar. Lembrando que vir como turista (ou seja, entrar no país sem um visto de residência) e tentar se legalizar aqui para morar e trabalhar não se encaixa nisso que vou falar, ok?!

Os itens abaixo já estão basicamente na ordem que devem ser feitos.

 

Entrada no país

Caso não tenha entrado na Europa por Portugal, é necessário se dirigir o SEF em até três dias úteis para preencher um formulário de entrada no país, seja como turista ou se tiver um visto. Isso, caso você não vá ficar em algum hotel – se esse for o caso, o próprio hotel se encarregará de avisar ao SEF que você chegou ao país. Mas se você, como nós, ficar na casa de um amigo, tem que ir pessoalmente ao SEF para avisar sua entrada no país.

Documentos necessários:

37.987 views